E se Design fosse uma religião?

14 views
Skip to first unread message

Frederick van Amstel

unread,
Apr 12, 2010, 11:25:59 AM4/12/10
to DesInterac, especia...@listas.faberludens.com.br
O Instituto Faber-Ludens inicia mais um projeto colaborativo de Ficção de Design: a Igreja do Desígnio Divino. Aqueles que acreditam que o Design pode solucionar todos os problemas da vida humana, sejam bem vindos:

Para quem acha que estamos só brincando, dê uma olhada nestes slides que explicam a importância das Ficções de Design para repensar os rumos da sociedade:
Nesta Igreja, todos estão convidados a se tornarem Deusigners! 

--
.
.{ Frederick van Amstel }. Curitiba ´´ PR
¶ ...''''''''''|| www.usabilidoido.com.br
Instituto www.faberludens.com.br
.
MSN e Gtalk usabil...@gmail.com
\\...................

Gonçalo Ferraz

unread,
Apr 12, 2010, 11:37:02 PM4/12/10
to Interação Design Lista
---------- Forwarded message ----------
From: Rodrigo Gonzatto <rgon...@gmail.com>


Sobre o ritual, o testemunho de um aprendiz:
http://www.gonzatto.com/blog/igreja-do-design/

Rodrigo Gonzatto
www.gonzatto.com

Claudio Luiz Barão

unread,
Apr 13, 2010, 7:19:54 AM4/13/10
to desin...@googlegroups.com
IGREJA DO DESIGN, O QUE É ISTO?
 
UM DOGMA, MAIS UM CLUBE FECHADO.
 
NÓS, VERDADEIROS DESIGNERS DEVEMOS PENSAR NO NOSSO RECONHECIMENTO NO MERCADO DE TRABALHO. DEVEMOS SIM, PENSAR NUM CONSELHO NACIONAL COMO MÉDICOS, ENGENHEIROS, CONTABILISTAS, ENFERMEIROS E ARQUITETOS.
 
E OS CONCURSOS EM ÓRGÃOS DO GOVERNO, TEM UMA VAGA PARA DESIGNER? É BEM DIFÍCIL ENCONTRAR.
 
POR FAVOR, NÃO DEVEMOS ENTRAR NESTA ONDA DE IGREJA DO DESIGN. E QUE OFENSA A JESUS CRISTO, NA CRUZ OUVINDO MÚSICA, POR FAVOR AONDE ESTÁ O SENSO DE DECENCIA E RESPEITO DO "DESIGN"?
 
DEVEMOS FOCAR NOSSAS ATENÇÕES EM TEMAS REAIS E NÃO EM BLASFEMIAS!
 
UMA SUGESTÃO: LEIAM A BÍBLIA, COMEÇEM NO EVANGELHO DE JOÃO E PRESTEM ATENÇÃO NO CAPÍTULO 3 VERSÍCULO 16.
 
ABRAM OS OLHOS E OREM (REZEM) MAIS.
 
ABRIR IGREJA É MUITO BOM, LEVAR A PALAVRA DE DEUS AOS NECESSITADOS, MAS ENVOLVER UMA PROFISSÃO.
 
ATENCIOSAMENTE.
CLAUDIO LUIZ BARÃO.
> --
> ::: Ao responder, elimine o texto não essencial de mensagens anteriores :::
> ***************************************************************************************
> ::: Evite enviar emails em HTML ::: Prefira enviar emails sem formatação :::
>
>
> --
> Você recebeu esta mensagem porque se cadastrou no Grupo "DesInterac" do Google Groups.
>
> * novos tópicos pelo email desin...@googlegroups.com
> * cancelar a inscrição pelo email desinterac-...@googlegroups.com
> * outras opções em http://groups.google.com/group/desinterac
>
> To unsubscribe, reply using "remove me" as the subject.


Transforme-se em personagens engraçados e coloque no Messenger. Clique e veja como.

Frederick van Amstel

unread,
Apr 13, 2010, 7:33:07 AM4/13/10
to desin...@googlegroups.com
Claudio, a Igreja do Desígnio Divino é uma ficção, uma especulação para refletir criticamente sobre o papel do Design na sociedade. 

O projeto é aberto. Se você quiser nos ajudar a manter a decência, por favor, entre nos debates:

Gonçalo Ferraz

unread,
Apr 13, 2010, 7:34:18 AM4/13/10
to desin...@googlegroups.com
Bom dia, Claudio.

A Igreja do Divino Desígnio não está para blasfemar a igreja católica
ou qualquer outra religião. Ela é um projeto de Ficção em Design, na
linha do Design Crítico, cujo objetivo é apresentar possibilidades
diferentes de realidade para promover a mudança de paradigmas, a
amplitude de ideias e o criticismo próprio. Além desses objetivos há
os de unir os designers numa brincadeira e abrir um caminho para que
possamos trazer ideias reais através da ficção. Tudo é realidade e há
que se transformá-la, pois a Vida é movimento e transformação.

Um grande abraço!


--
Gonçalo B Ferraz  goncaloferraz.com
Instituto Faber Ludens de Design de Interação
Pós Graduação e Consultoria faberludens.com.br
twitter.com/goncaloferrax ::::::::::::::::::::::::::::::::::

Sonho que se sonha só
é só um sonho que se sonha só
Mas sonho que se sonha junto
é realidade nova-acropole.org.br

Marcello Cardoso

unread,
Apr 13, 2010, 7:40:54 AM4/13/10
to desin...@googlegroups.com
desculpe a franqueza, mas acho deselegante corpo de texto em caps-lock, mas mais ainda é pregar religião em uma lista de discussão de design de interação. 

me sinto pessoalmente ofendido, da mesma forma que o sr se sentiria se eu fosse falar de umbanda, islamismo, com vc. 

então peço por favor que exercite o exercício da empatia e do bom-senso.


quando a idéia da ficçãod e design, nao conhecia e achei fenomenal! 


2010/4/13 Claudio Luiz Barão <clau...@hotmail.com>

Marcello Cardoso

unread,
Apr 13, 2010, 7:59:13 AM4/13/10
to desin...@googlegroups.com
se não ficou claro, minha crítica não é para a proposta de ficção de design.

2010/4/13 Marcello Cardoso <mcar...@gmail.com>

Gabriela silvares

unread,
Apr 13, 2010, 8:00:20 AM4/13/10
to desin...@googlegroups.com
Eita,

Na minha visão, a tal igreja do Designer nada mais é do que uma contextualização de doutrinas iluminadas no nosso contexto diário!

Eu até questionei chamar isto de igreja, pois sinto algo pesado com a palavra, como sendo uma prisão. Mas vejo esta reunião como o lugar de encontro e de questionamentos, com o fim de chegar a uma prática do Design cada vez mais ética e coerente com as necessidades do período social em vigor.

Que não propõe uma solução definitiva, mas que está constantemente em movimento, propondo o 'repensar' das respostas já fornecidas.

No Caso, contextualizando e praticando a palavra que nos destes:
Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.

Nós querendo ser como Deus, (esse é o objetivo do Cristão, não é?) e tendo como exemplo o Cristo, (que é Deus em forma de homem.) temos que dar o nosso 'filho unigênito' (Vontades Egoístas) em favor dos outros, para que possamos encontrar a vida eterna e em seguida propagar isso para aqueles que ainda não a encontraram.

1. Jesus, ensinou a carregar a Cruz, ninguém vai carregar uma cruz hoje. Mas podemos carregar outras coisas que são como a cruz, e a intenção da igreja do designio divino é descobrir oque seria esta Cruz no dia-a-dia do designer.
(Eu lancei um questionamento lá: capacidade técnica ou trabalho cooperativo? Você e um grupo de crianças vão pintar uma parede, você desenha super bem, e as crianças desenham como crianças, o objetivo é envolvê-las na restauração do lugar onde vivem. Se você pintar a parede sozinho o resultado estético será adorado por todos, mas se as crianças pintarem junto com você o resultado pode não ser tão bom, mas o afeto que elas desenvolverão com aquilo que está sendo feito, e com as outras crianças só existiria de fato se elas realmente estivessem participando. Qual seria a escolha ideal? O design de Interação não é o design que promove a cooperação, o contato, e por fim o afeto entre pessoas e pessoas ou pessoas e coisas?)


2. Jesus ensinava por meio de parábolas, parábolas que explicavam traziam os valores espirituais para a realidade daquelas pessoas naquele momento. Quais as ferramentas que temos para criar parábolas, hoje?

3. Mandamentos de Cristo: Amar a Deus sobre todas as Coisas e amar ao próximo como a ti mesmo.
Nós estamos aplicando estes mandamentos no desenvolvimento da nossa profissão? Porque a produção é centrada no usuário? Isso não seria 'amar' ao próximo mais doque a Deus, fazendo com que este amor se torne uma prisão de busca hedonista tanto do usuário que se 'satisfaz' com os produtos a ele destinados, quanto para o produtor que obtém $ para se satisfazer com outros produtos e se sobressair e ter o poder em meio a massa?

Mandamento da Igreja do Desígnio Divino:
A igreja só deverá existir enquanto o nome Igreja não for maior doque o Desígnio Divino.

Gabi




From: clau...@hotmail.com
To: desin...@googlegroups.com
Subject: RE: [DesInterac] Fwd: [EspecializacaoDI] E se Design fosse uma religião?
Date: Tue, 13 Apr 2010 08:19:54 -0300

Érico Fileno

unread,
Apr 13, 2010, 8:14:50 AM4/13/10
to DesInterac
Na boa galera, acho que a lista deveria ser levada mais a sério, para
se tornar como a de AI.
Quem é designer de verdade, que está no dia-a-dia trabalhando e
realizando projetos de design para empresas de verdade, sabe da
dificuldade que é ter que vender o nosso serviço e gerenciar o que
fazemos.
Por isso, vejo esse tópico só como uma brincadeira, não tem nada de
"crítico". Inclusive essa figura do Deusigner vai contra qualquer
prática ou conceituação de design centrado no usuário (ou user
experience, se preferirem).
Humildade para reconhecer que não sabemos tudo (e que nunca saberemos)
e trabalhar em uma equipe multidisciplinar, com pessoas de diferentes
conhecimentos e culturas...isso sim deveria ser pensado!
Já dizia aquele velho ditado: "Política (no sentido partidário),
futebol e religião não se discute"....ah, sábia vovozinha! :)
Abraços

Érico Fernandes Fileno, M.Sc.
Senior Interaction Designer @ CESAR
IxDA Curitiba - Interaction Design Association


Instituto Faber Ludens de Design de Interação

http://ericofileno.wordpress.com/
@efileno

Leonardo Mateus

unread,
Apr 13, 2010, 8:18:11 AM4/13/10
to desin...@googlegroups.com
Nooaaasss... isso aqui vai render hein...rsrsrsr

> (Eu lancei um questionamento lá: capacidade técnica ou trabalho cooperativo? Você e um
> grupo de crianças vão pintar uma parede, você desenha super bem, e as crianças
> desenham como crianças, o objetivo é envolvê-las na restauração do lugar onde vivem. Se
> você pintar a parede sozinho o resultado estético será adorado por todos, mas se as
> crianças pintarem junto com você o resultado pode não ser tão bom, mas o afeto que elas
> desenvolverão com aquilo que está sendo feito, e com as outras crianças só existiria de
> fato se elas realmente estivessem participando. Qual seria a escolha ideal? O design de
> Interação não é o design que promove a cooperação, o contato, e por fim o afeto entre
> pessoas e pessoas ou pessoas e coisas?)

Mas particularmente gostei dos questionamentos da Gabriela, mas
precisamente da "capacidade técnica ou trabalho cooperativo?"... pq se
encaixa exatamente por uma situação vivenciada por mim (o
possivelmente alguns de vocês também).

Então como seria possível ter em mente o 'trabalho perfeito' e o
'afeto do próximo' ao mesmo tempo? Qual seria a melhor estratégia, em
se tratando de igreja (acho melhor chamar de filosofia não??) e o
trabalho profissional (entende-se como capitalista também..rsr)

Abraços!!!

Em 13/04/10, Gabriela silvares<gabriela...@hotmail.com> escreveu:

> Transforme-se em personagens engraçados e coloque no Messenger. Clique e
> veja como.
>
>
>
>
>
> --
>
> ::: Ao responder, elimine o texto não essencial de mensagens anteriores :::
>
> ***************************************************************************************
>
> ::: Evite enviar emails em HTML ::: Prefira enviar emails sem formatação :::
>
>
>
>
>
> --
>
> Você recebeu esta mensagem porque se cadastrou no Grupo "DesInterac" do
> Google Groups.
>
>
>
> * novos tópicos pelo email desin...@googlegroups.com
>
> * cancelar a inscrição pelo email desinterac-...@googlegroups.com
>
> * outras opções em http://groups.google.com/group/desinterac

> _________________________________________________________________
> O seu navegador também te ajuda a ficar longe de vírus. Leia mais sobre
> segurança.
> http://www.microsoft.com/brasil/windows/internet-explorer/?WT.mc_id=1500


>
> --
> ::: Ao responder, elimine o texto não essencial de mensagens anteriores :::
> ***************************************************************************************
> ::: Evite enviar emails em HTML ::: Prefira enviar emails sem formatação :::
>
>
> --
> Você recebeu esta mensagem porque se cadastrou no Grupo "DesInterac" do
> Google Groups.
>
> * novos tópicos pelo email desin...@googlegroups.com
> * cancelar a inscrição pelo email desinterac-...@googlegroups.com
> * outras opções em http://groups.google.com/group/desinterac


--
-----------------------------------------------------------
Leonardo Mateus
Analista de Sistemas / Designer de Interfaces
Faculdades Santo Agostinho
Divisão de Tecnologia de Informação
3641 / 3620
-----------------------------------------------------------

Érico Fileno

unread,
Apr 13, 2010, 8:22:39 AM4/13/10
to DesInterac
Só corrigindo a primeira frase...

On 13 abr, 09:14, Érico Fileno <efil...@gmail.com> wrote:

Na boa galera, acho que a lista deveria ser levada mais a sério, para

NÃO se tornar como a de AI.

Marcello Cardoso

unread,
Apr 13, 2010, 8:25:42 AM4/13/10
to desin...@googlegroups.com
Transformar a figura do designer em deusigner é uma caricatura válida, ainda que para repudiá-la, não acha? Eu enxerguei como auto-crítica da classe, com humor.

acho interessante também pensar como design do ponto de vista religioso pois é uma mudança de axioma, pode ser positivo para enxergar coisas de uma perspectiva diferente. Acho que o erro é levar isso a sério de uma forma doutrinária. Seria o memso que ler laranja mecânica e sair por ai praticando ultraviolence.

A ficção serve como uma imagem caricata que nos ajuda a entender e posicionar criticamente em relação a um assunto.

entrando na brincadeira, achei uma coisa muito parecida com massonaria! aquela idéia de antroporfizar deus como um arquiteto, já que era uma sociedade de construtores. 

2010/4/13 Érico Fileno <efi...@gmail.com>
--
::: Ao responder, elimine o texto não essencial de mensagens anteriores :::
***************************************************************************************
::: Evite enviar emails em HTML ::: Prefira enviar emails sem formatação :::


--
Você recebeu esta mensagem porque se cadastrou no Grupo "DesInterac" do Google Groups.

* novos tópicos pelo email desin...@googlegroups.com
* cancelar a inscrição pelo email desinterac-...@googlegroups.com
* outras opções em http://groups.google.com/group/desinterac

To unsubscribe, reply using "remove me" as the subject.

Gonçalo Ferraz

unread,
Apr 13, 2010, 8:26:25 AM4/13/10
to desin...@googlegroups.com
Essa lista é tão séria quanto qualquer outra, meu caro. Porém tem a
qualidade de ser feita por pessoas vivas e plenas de nuances.

Quando a área de AI ou IxD ou qualquer uma delas estiver bem definida,
com especificação de que ciências são envolvidas e quais não, daí
talvez seja o caso de só falar de tais ciências. Se alguém tiver uma
lista de assuntos que se pode ou não falar, peço que apresente. Na
falta da lista, vale o bom senso.

Tão divertido é ver que mesmo aqueles contra a ficção eclesiástica
adotaram o valor de Designer Verdadeiro versus Designer Falso. Muito
interessante, né!?

2010/4/13 Érico Fileno <efi...@gmail.com>:

> --
> ::: Ao responder, elimine o texto não essencial de mensagens anteriores :::
> ***************************************************************************************
> ::: Evite enviar emails em HTML ::: Prefira enviar emails sem formatação :::
>
>
> --
> Você recebeu esta mensagem porque se cadastrou no Grupo "DesInterac" do Google Groups.
>
> * novos tópicos pelo email desin...@googlegroups.com
> * cancelar a inscrição pelo email desinterac-...@googlegroups.com
> * outras opções em http://groups.google.com/group/desinterac
>
> To unsubscribe, reply using "remove me" as the subject.
>

--
Gonçalo B Ferraz  goncaloferraz.com


Instituto Faber Ludens de Design de Interação

Marcello Cardoso

unread,
Apr 13, 2010, 8:27:03 AM4/13/10
to desin...@googlegroups.com
ops! maçonaria! e o português manda um abraço, rs!

2010/4/13 Érico Fileno <efi...@gmail.com>
--
::: Ao responder, elimine o texto não essencial de mensagens anteriores :::
***************************************************************************************
::: Evite enviar emails em HTML ::: Prefira enviar emails sem formatação :::


--
Você recebeu esta mensagem porque se cadastrou no Grupo "DesInterac" do Google Groups.

* novos tópicos pelo email desin...@googlegroups.com
* cancelar a inscrição pelo email desinterac-...@googlegroups.com
* outras opções em http://groups.google.com/group/desinterac

Gonçalo Ferraz

unread,
Apr 13, 2010, 8:28:46 AM4/13/10
to desin...@googlegroups.com
Se o Salvador veio na idade dos mitos como religioso, hoje, na idade
da técnica, viria como designer?

Gonçalo Ferraz

unread,
Apr 13, 2010, 8:42:45 AM4/13/10
to desin...@googlegroups.com
Mas juuustamente!

O trabalho na IDD é colaborativo: depois do sermão, quando é lançado o
tema de um problema mundial, todos fazem a introspecção silenciosa,
depois há um momento de brainstorming coletivo, daí usamos somente
farinha e água para construir colaborativamente a obra prima, que
seria o mais próximo do ideal divino. Quanto mais deusigners, melhor!
Essa peça vai para o forno sagrado com fogo divino e a peça se torna
alimento, o santo pão. Todos comem deste pão para incorporar a
maravilhosa essência da criação coletiva, e se tornam um pouco mais
deusigners!

Amém, irmãos!


2010/4/13 Leonardo Mateus <leonardom...@gmail.com>:

Gabriela silvares

unread,
Apr 13, 2010, 8:47:21 AM4/13/10
to desin...@googlegroups.com
Criticar este tópico é o mesmo que falar pra criança:
Para de brincar porque agora é sério...

Ai quando todos perceberem que somos crianças brincando de verdade: arcaremos com as consequências de nossas escolhas, enquanto desfrutamos o real prazer da vida.



> From: goncal...@gmail.com
> Date: Tue, 13 Apr 2010 09:26:25 -0300
> Subject: Re: [DesInterac] Re: Fwd: [EspecializacaoDI] E se Design fosse uma religião?
> To: desin...@googlegroups.com
>

Gonçalo Ferraz

unread,
Apr 13, 2010, 8:47:53 AM4/13/10
to desin...@googlegroups.com
Pra ficar mais claro ainda, imaginem se essa obra-prima para
solucionar um problema mundial for feita por todas as pessoas do mundo
ao mesmo tempo... Aposto que daria certo!

Todos tem Deus dentro de si. Qualquer um pode ser Deusigner!
Ele está No Meio de nós. O que vale é a intenção!

Ave, irmãos!

Gonçalo Ferraz

unread,
Apr 13, 2010, 8:51:16 AM4/13/10
to desin...@googlegroups.com
Já pararam pra pensar na diferença entre Trabalho e Serviço?

Juliano Prado

unread,
Apr 13, 2010, 8:53:51 AM4/13/10
to desin...@googlegroups.com
Mesmo no Dogma Cristão, Deus foi o primeiro Designer.




Genesis

1    No princípio criou Deus os céus e a terra.
2     E a terra era sem forma e vazia; e havia trevas sobre a face do abismo; e o Espírito de Deus se movia sobre a face das águas.
3     E disse Deus: Haja luz; e houve luz.
4     E viu Deus que era boa a luz; e fez Deus separação entre a luz e as trevas.
5     E Deus chamou à luz Dia; e às trevas chamou Noite. E foi a tarde e a manhã, o dia primeiro.
6     E disse Deus: Haja uma expansão no meio das águas, e haja separação entre águas e águas.
7     E fez Deus a expansão, e fez separação entre as águas que estavam debaixo da expansão e as águas que estavam sobre a expansão; e assim foi.
8     E chamou Deus à expansão Céus, e foi a tarde e a manhã, o dia segundo.
9     E disse Deus: Ajuntem-se as águas debaixo dos céus num lugar; e apareça a porção seca; e assim foi.
10     E chamou Deus à porção seca Terra; e ao ajuntamento das águas chamou Mares; e viu Deus que era bom.
11     E disse Deus: Produza a terra erva verde, erva que dê semente, árvore frutífera que dê fruto segundo a sua espécie, cuja semente está nela sobre a terra; e assim foi.
12     E a terra produziu erva, erva dando semente conforme a sua espécie, e a árvore frutífera, cuja semente está nela conforme a sua espécie; e viu Deus que era bom.

(e por aí vai...)


http://www.bibliaonline.com.br/acf/gn/1

Rodrigo Gonzatto

unread,
Apr 13, 2010, 8:55:35 AM4/13/10
to desin...@googlegroups.com
Comentários:
  • Quem tiver o olhar do design crítico pode encontrar, na Igreja do D.D. a cristalização do discurso de design.
  • Até por isso, vejo a ideia de deusigner, hoje, como próxima do DCU: "Não projetarás ao próximo como a si mesmo". 
  • Ignorar a política e religião da discussão pode ser perder a percepção de intensas e grandiosas facetas de nossa vida. É como esperar que nossos corpos sejam utilitários, ou que lista seja apenas funcional, e não um lugar onde há interação, conflitos e troca entre pessoas, que são mais do que uma peça no fluxo de produção e consumo (espero, eu)
  • Assim, a Igreja D.D., além de uma ficção de design, pode trabalhar dentro do humor como método, nos afastando um pouco da aparente via única de racionalização dos processos humanos.

  • Sempre me vem a curiosidade: que design é esse, que vemos na religião, e que nos toca com tanta intensidade? É acaso, é projetado, é universal, divino?
  • Outra questão que se abre, de importante discussão: existe Experiência Perfeita? Uma interação de verdade? Existe uma ordem natural das coisas, e o papel do designer é manifesta-la em seu trabalho?
  • De onde vem o insight, a ideia, o momento de ligação entre conceitos, que dá o start de algo que nos parece novo? Roberto Menna Barreto até cita, no Criatividade em Propaganda, a teoria da Criatividade como origem divina.
  • Além da já citada aqui, distinção do verdadeiro e falso designer. O que segue o verdadeiro, quais os dogmas e verdades que contrapõe a falsidade.
Se, como Claudio Luiz Barão, a proposta ofender mais alguém, reitero o Fred: participe da discussão, aponte as falhas.

Não gosto de críticas gratuitas, de fazer só porque pode ser feito. Mas a formação de igrejas imaginárias e fictícias não é novidade, sendo um dos pontos principais de expressões artísticas como neoísmo e o terrorismo poético, que já tem lá seus 20 anos.

Publiquei o Jesus com iPod, mas não criei a imagem. Usei justamente porque o símbolo é forte, e só quando o símbolo tem força, funciona assim.
Eu poderia ter colocado Nielsen com um terço... 

Rodrigo Gonzatto
www.gonzatto.com

Tersis Zonato

unread,
Apr 13, 2010, 8:58:22 AM4/13/10
to desin...@googlegroups.com
Gênesis: A Verdadeira História

O projeto é um curta metragem de animação em 3D. O roteiro é uma visão bem humorada da criação do mundo contada no caderno de Gênesis da Bíblia.

Com a missão de criar o mundo os designers são designados por Deus e durante todo esse processo
eles se deparam com diversas situações adversas e engraçadas do dia-a-dia dessa profissão. Criticando em alguns momentos e se divertindo com a própria desgraça em outros Gênenis A Verdadeira História é uma boa maneira de se divertir conhecendo a vida de um Designer.



Tersis Zonato
http://www.tersis.com.br/


2010/4/13 Rodrigo Gonzatto <wolfov...@gmail.com>

Rodrigo Gonzatto
www.gonzatto.com

--

Frederick van Amstel

unread,
Apr 13, 2010, 8:59:59 AM4/13/10
to desin...@googlegroups.com
Ai quando todos perceberem que somos crianças brincando de verdade: arcaremos com as consequências de nossas escolhas, enquanto desfrutamos o real prazer da vida.
 

Frase do dia!

O valor de uma discussão deve ser avaliado pelo movimento.

Gonçalo Ferraz

unread,
Apr 13, 2010, 9:05:15 AM4/13/10
to desin...@googlegroups.com
O Designer e seu Sacro Ofício!

Tersis Zonato

unread,
Apr 13, 2010, 9:06:12 AM4/13/10
to desin...@googlegroups.com
Como seria uma guerra santa na religião do Design?



Tersis Zonato
http://www.tersis.com.br/


2010/4/13 Gonçalo Ferraz <goncal...@gmail.com>
O Designer e seu Sacro Ofício!
--
::: Ao responder, elimine o texto não essencial de mensagens anteriores :::
***************************************************************************************
::: Evite enviar emails em HTML ::: Prefira enviar emails sem formatação :::


--
Você recebeu esta mensagem porque se cadastrou no Grupo "DesInterac" do Google Groups.

* novos tópicos pelo email desin...@googlegroups.com
* cancelar a inscrição pelo email desinterac-...@googlegroups.com
* outras opções em http://groups.google.com/group/desinterac

Gonçalo Ferraz

unread,
Apr 13, 2010, 9:12:24 AM4/13/10
to desin...@googlegroups.com
E guerrear com quem?!!


ehe, metaleiro!!!

2010/4/13 Tersis Zonato <tersishi...@gmail.com>:

Tersis Zonato

unread,
Apr 13, 2010, 9:16:53 AM4/13/10
to desin...@googlegroups.com
Me parece que já vivemos em guerra. Na faculdade só se falava de designers x micreiros (assim como arquitetos x engenheiros).
No mercado de trabalho vemos designers x atendimento.

Ontem mesmo aconteceu mais uma daquelas discussões Apple x Microsoft. Uma pessoa afirmou que a Microsoft é uma droga. Outra defendeu violentamente a Microsoft. E vemos isso direto.

Não podemos ter a mente e olhos fechados para o mundo. Deixando de lado opiniões, sabemos que dualidades sempre vão existir. O que podemos fazer é utilizar essa visão para o processo evolutivo, tanto da nossa profissão, quanto ao nosso lado Humano.



Tersis Zonato
http://www.tersis.com.br/


2010/4/13 Gonçalo Ferraz <goncal...@gmail.com>
E guerrear com quem?!!

Carlos Oliveira

unread,
Apr 13, 2010, 9:24:34 AM4/13/10
to desin...@googlegroups.com
Olá lista,

ainda não aceitei bem esta ideia, até porque se o objetivo é criar um grupo colaborativo que visa o bem da sociedade, não faz sentido criar um altar, mas sim ter humildade e ver que não há deuses e sim pessoas.
De qualquer maneira, o movimento é bom.

Pra quem não conhece, anualmente, os estudantes de design criam uma pauta nacional unificada(PNU) para ser discutida em todas as faculdades de design do Brasil.
O tema deste ano são os poderes e responsabilidades do designer, fazendo uma analogia com os super herois:
http://pnu.wikispaces.com/PNU+2010

Há um sentimento geral do designer mostrar seu papel na sociedade, afinal lutamos no nosso dia-a-dia pelo reconhecimento do valor do nosso trabalho.

Abraços,
Carlos de Oliveira Junior
TwitterLinkedinSkypeMSNGtalk
www.vamoss.com.br
(21) 7825-9113



Quer usar o Messenger sem precisar instalar nada? Veja como usar o Messenger Web.

Gonçalo Ferraz

unread,
Apr 13, 2010, 9:32:35 AM4/13/10
to desin...@googlegroups.com
Caros, é sempre bom lembrar que a IDD é um projeto fictício!

Gonçalo Ferraz

unread,
Apr 13, 2010, 9:37:55 AM4/13/10
to desin...@googlegroups.com
Porém, já dizia um sábio quase chinês:

"Sonho que se sonha só é só um sonho que se sonha só.
Mas sonho que se sonha junto é realidade."

2010/4/13 Gonçalo Ferraz <goncal...@gmail.com>:

Maikon

unread,
Apr 13, 2010, 9:58:18 AM4/13/10
to desin...@googlegroups.com, especia...@listas.faberludens.com.br
"Ora, o Senhor é Espírito, e onde está o Espírito do Senhor, aí há liberdade." (2 Coríntios 3,17)

"Sabendo primeiramente isto: que nenhuma profecia da Escritura é de particular interpretação." (II Pedro 1:20)

"Porque todos os profetas e a lei profetizaram até João." (Mateus 11:13)

"E toda a carne verá a salvação de Deus." (Lucas 3:6)

"Guardais dias, e meses, e tempos, e anos." (Gálatas 4:10)

"Mas daquele dia e hora ninguém sabe, nem os anjos do céus, mas unicamente meu Pai." (Mateus 24:36)

"Liberdade é fazer tudo o que é justo, bom e legítimo conforme a lei de Deus. Fora disso não seria escravidão? O jovem Santo Agostinho é um exemplo claro de quem buscou a felicidade distante de Deus; ele mesmo confessa: “Tarde te amei beleza antiga e sempre nova... só em Ti encontrei a perfeita alegria que procurei distante de Ti”. Acontece que fomos criados por Deus e é somente n'Ele nos sentimos plenos. Isso não é uma conclusão religiosa, é fato de vida! Se você procura a alegria, deve considerar também esta verdade. A alegria é um dom do Espírito Santo. É mais do que sentimento, é um estado de alma, fruto da confiança plena no amor do Criador." (http://verbo-pai.blogspot.com/2010/02/liberdade-e-fazer-tudo-conforme-lei-de.html)

"A lei do espírito... me livrou da lei do pecado e da morte." (Romanos 8:2)

"Não recebestes o Espírito de escravidão para... estardes em temor, mas recebestes o Espírito de adoção." Romanos 8:15

"Se sois guiados pelo Espírito, não estais debaixo da lei." (Gálatas 5:18)

"Pois Deus não nos deu um espírito de timidez, mas de fortaleza, de amor e de sabedoria." (2Timóteo 1:7)

A questão é saber se é proibido fazer obras que agradam a Deus e ao homem ao mesmo tempo. E se tais obras nunca se degenerarão e se corromperão. Ou seja, se as qualidades do Espírito não podem se transformar em coisas eternas. E a respeito da exclusividade da liberdade, se nós devemos nos preocupar com as obras materiais, além das espirituais. Afinal, segundo Jesus, a salvação só vem pela fé. Se for assim, então pra que trabalhar para o homem? Mas, olhe para o lado e ao redor de si, tudo é feito para quem? Exclusivamente para Deus, ou para o homem e para Deus?

"Os projetos são nossos, mas os desígnios são de Deus." (Desconhecido)

Em 12 de abril de 2010 12:25, Frederick van Amstel <usabil...@gmail.com> escreveu:
O Instituto Faber-Ludens inicia mais um projeto colaborativo de Ficção de Design: a Igreja do Desígnio Divino. Aqueles que acreditam que o Design pode solucionar todos os problemas da vida humana, sejam bem vindos:

Para quem acha que estamos só brincando, dê uma olhada nestes slides que explicam a importância das Ficções de Design para repensar os rumos da sociedade:
Nesta Igreja, todos estão convidados a se tornarem Deusigners! 

--
.
.{ Frederick van Amstel }. Curitiba ´´ PR
¶ ...''''''''''|| www.usabilidoido.com.br
Instituto www.faberludens.com.br
.
MSN e Gtalk usabil...@gmail.com
\\...................

--

Renato Monteiro

unread,
Apr 13, 2010, 10:13:27 AM4/13/10
to desin...@googlegroups.com, desin...@googlegroups.com, especia...@listas.faberludens.com.br
Isso aqui virou espaço para debates sobre religião? Na boa, devemos nos ater ao cerne da lista que é o debate sobre a profissão com a intenção de fortalecer a profissão através da troca de experiências e informações. Discorrer sobre religião ou levar as discussões aqui estabelecidas para este lado é no minimo imaturo.

E quem não é cristão? Precisa se ver "convidado" a ler trechos e mais trechos da bíblia pq alguém se ofendeu com uma metáfora religiosa? O que é que a torna diferente? Metáforas são metáforas e se ajudarem a esclarecer algo confuso são muito bem vindas. Parabéns ao pessoal da IDD!

E nos atenhamos ao propósito da lista: debater design

Abs,
Renato Monteiro

Sent from my iPhone

Marcello Cardoso

unread,
Apr 13, 2010, 10:43:04 AM4/13/10
to desin...@googlegroups.com
analisando passagens arqueológicas do Não Tão Antigo Testamento™...

"E vós Deusigners®, figura única formada pela multiplicidade, cada faceta com seu próprio caráter. Sois responsáveis pela Criação Coletiva©"

proponho esta questão teológica: como pode a Criação Coletiva© atender ao todo,s e é criado pela soma das partes? O resultado não é parte. A questão é: são todos deusigners mas nem todos são inspirados pelo Divino Espírito do Insight Sagrado® ou foram iniciados na Liturgia do Sacro-Ofício

A igreja precisa de hierarquia de competências que comporte e oriente a Criação Coletiva© sem maculá-la com o pecado capital do Designer Sentado no Usuário, a vil prática de projetar desconsiderando o outro, o irmão.


reflitam irmãos.


2010/4/13 Renato Monteiro <renato.ren...@gmail.com>

Gonçalo Ferraz

unread,
Apr 14, 2010, 11:55:47 AM4/14/10
to desin...@googlegroups.com
É impressão minha ou os threads realmente passaram a apresentar o
termo "evangelização" com mais frequência?
Reply all
Reply to author
Forward
0 new messages